China abre exposição sobre 40 anos de reforma e abertura

Finalidade é mostrar os feitos que o país conquistou durante as últimas quatro décadas

O Museu Nacional da China, no centro de Pequim, abriu uma exposição para comemorar o 40º aniversário da reforma e abertura do país. O responsável pela abertura da exposição foi Wang Huning, membro do Comitê Permanente do Birô Político do Comitê Central do Partido Comunista da China (PCCh) e da Secretaria do Comitê Central do PCCh.

Wang destacou as mudanças sem precedentes ocorridas nas últimas quatro décadas, especialmente as mudanças históricas após o XVIII Congresso Nacional do PCCh, e disse que a exposição tem como objetivo mostrar as grandes realizações feitas pelo povo chinês, sob a liderança do PCCh no caminho do socialismo com características chinesas.

Ele ainda pediu esforços para uma mobilização mais de perto ao redor do Comitê Central do PCCh, com o atual presidente Xi Jinping no seu núcleo, além de manter no alto a bandeira da reforma e abertura na nova era, e aprofundar a reforma e abertura com maior confiança e medidas mais vigorosas.

A exposição usa fotos históricas, textos, vídeos, miniaturas e atividades interativas para ensinar aos visitantes o grande processo durante o qual a nação chinesa tem se mantido, enriquecendo e se fortalecendo. A cerimônia de abertura contou com a participação de cerca de mil pessoas.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.