Chefe do Partido é demitido após novo surto de Covid-19 em distrito da Mongólia Interior

Chen Zhanyuan foi removido do cargo por sua má gestão das medidas de controle da doença

O chefe do Partido Comunista da China na Bandeira (Distrito) de Ejina, Região Autônoma da Mongólia Interior, foi demitido após uma nova onda de infecções por Covid-19, informaram as autoridades locais.

Chen Zhanyuan foi removido do cargo por sua má gestão das medidas de controle da doença na Bandeira de Ejina, que registrou 78 casos transmitidos localmente até às 8h da terça-feira, de acordo com a sede regional de prevenção e controle do vírus.

O distrito começou a implementar uma medida de quarentena residencial na segunda-feira para conter a disseminação. Todos os moradores e turistas foram solicitados a ficarem em casa ou em hotéis.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.