Candidato à presidência dos EUA elogia a China por redução da pobreza

O democrata Bernie Sanders disse ainda que acha possível que os Estados Unidos tenham uma relação de trabalho positiva com a China

O candidato à presidência dos Estados Unidos do partido democrata, Bernie Sanders, elogiou nesta semana a conquista da China com a redução da pobreza e afirmou que é possível que Washington forme um relacionamento positivo com a nação asiática. Os comentários a respeito da China foram feitos em uma entrevista que ele deu à HILL TV, onde ele disse que acha “absolutamente possível que tenhamos uma relação de trabalho positiva com a China”.

O candidato de tendência progressista, que atualmente compete nas primárias do Partido Democrata, disse que não usaria a frase “uma ameaça existencial” para descrever a China em relação aos Estados Unidos, e acrescentou que a China é um país que está “protegendo vigorosamente seus próprios interesses”.

No último domingo, Sanders disse, durante uma aparição no programa “State of the Union” da CNN, que a política comercial do presidente Donald Trump é “totalmente irracional e está desestabilizando toda a economia mundial”.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.