Caixa-preta de avião que caiu na China é encontrada

Descoberta pode apontar causa da queda do Boeing 737, que levava 132 pessoas a bordo

Créditos: Xinhua/Zhou Hu

A caixa-preta do avião de passageiros da China Eastern Airlines, que caiu na tarde de segunda-feira na Região Autônoma da Etnia Zhuang de Guangxi, no sul da China, foi recuperada, revelou a equipe de resgate à agência de notícias Xinhua, nesta quarta-feira

Segundo a  Administração da Aviação Civil, a caixa preta foi encontrada com danos e ainda não foi revelado o conteúdo armazenado no equipamento. O Boeing 737-800 possui duas caixas pretas: uma para registro de dados do voo e outra para as conversas entre a cabine e a torre de controle.

O tempo estava normal e não havia condições climáticas perigosas no momento da queda da aeronave, com 132 pessoas a bordo, declarou um oficial em uma coletiva de imprensa, nesta quarta-feira.

De acordo com os registros entre a tripulação e os controladores de tráfego aéreo, eles mantiveram comunicação normal desde que o avião decolou de Kunming até que de repente perdeu altitude a caminho de seu destino, relatou Mao Yanfeng, chefe do centro de investigação de acidentes de aviação da Administração de Aviação Civil da China.

A aeronave Boeing 737 da China Eastern Airlines, que partia de Kunming para Guangzhou, caiu em uma área montanhosa perto do povoado de Molang no distrito de Tengxian, na cidade de Wuzhou, às 14h38 de segunda-feira.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.