Caça e venda de animais selvagens serão punidas na China

Desde início da epidemia de COVID-19, país vem adotando medidas para acabar com as práticas

A China anunciou nesta sexta-feira que vai punir severamente a caça e venda de animais selvagens. Desde o início do surto de coronavírus, em janeiro, o país vem adotando novas medidas para acabar com essas práticas.

Wuhan, Xangai e outras grandes cidades já proibiram consumo de carne de animal selvagem, e outras províncias têm planos para fazer o mesmo.

“A China legislou uma proibição abrangente contra as atividades ilegais de caça, comércio, transporte e consumo de animais selvagens”, afirmou Geng Shuang, porta-voz do Ministério das Relações Exteriores chinês, em abril. “A venda de animais selvagens nos mercados de agricultores e frutos do mar é ilegal na China e sujeita a penalidades por lei quando descoberta”.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.