Banco da China planeja mais empréstimos verdes

Instituição fornecerá pelo menos US$ 154,2 bilhões para projetos ecológicos até 2025

O Banco da China (BOC), um dos maiores concessores de empréstimo do país, prometeu aumentar o apoio de crédito para os projetos ecológicos até 2025. A instituição fornecerá pelo menos 1 trilhão de yuans (US$ 154,2 bilhões) de fundos para a indústria verde durante o período.

No final de junho, o BOC viu seus empréstimos verdes domésticos superando 1 trilhão de yuans, um aumento de mais de 15% desde o início deste ano, um ritmo muito mais rápido do que o crescimento médio do empréstimo do banco. A partir do quarto trimestre de 2021, o banco deixará de financiar novas minas ou projetos de eletricidade a carvão no exterior, exceto aqueles já assinados.

A China prometeu atingir o pico de emissões de dióxido de carbono até 2030 e alcançar a neutralidade de carbono até 2060.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.