Balé Nacional da China volta ao Brasil para turnê

Eles passarão pelas cidades do Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Curitiba e São Paulo e apesentarão dois espetáculos

O Balé Nacional da China retornará ao Brasil após nove anos para realizar uma turnê que passará pelo Rio de Janeiro (no Theatro Municipal), São Paulo (Credicard Hall), Curitiba (Teatro Guaíra) e Belo Horizonte (Palácio das Artes). Durante a turnê, serão apresentadas duas superproduções: “Lanternas Vermelhas” e “Lago dos Cisnes”.

A direção de Lanterna Vermelha é do cineasta Zhang Yimou, que também dirigiu o filme homônimo que foi indicado ao Oscar, além de outros sucessos, enquanto a coreografia é de Xin Peng Wang. “Na criação dessa obra, minha fórmula foi a de somar 1 + 1, ou seja, o balé ocidental e a cultura chinesa. Acho que é uma maneira interessante, já que neste mundo globalizado todos estão conectados, de uma maneira ou de outra”, explica Yimou.

Essa versão do clássico Lago dos Cisnes, por sua vez, foi coreografada e dirigida pela bailarina e coreógrafa russa Natalia Makarova. O balé em quatro atos, tem música do compositor russo Piotr Ilitch Tchaikovsky e libreto de Vladimir Begitchev e Vasily Geltzer.

O Balé Nacional da China foi fundado em 1959 e é a unica companhia de dança estatal do país. Desde sua criação ela vem preservando a tradição da dança chinesa ao mesmo tempo em que incorpora ao seu repertório as grandes obras do balé romantico ocidental.

As apresentações acontecerão de 22 a 26 de maio no Rio de Janeiro; de 29 de maio a 02 de junho em São Paulo; nos dias 05 e 06 de junho em Curitiba e nos dias 08 e 09 de junho em Belo Horizonte. Os ingressos já estão à venda e os preços variam de acordo com a cidade e o assento.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.