83% das exportações chinesas para a União Europeia são “verdes”

Estudo alemão incluiu setores como peças automotivas, alimentos e bebidas, artigos de luxo, máquinas e bens industriais

Um estudo realizado na Alemanha mostrou que 83% das exportações chinesas para a União Europeia (UE) podem ser consideradas “verdes”, enquanto cerca de 56% das exportações da UE para a China foram “completamente benignas”.

Publicado pela Bertelsmann Stiftung, uma fundação independente com sede em Gütersloh, a pesquisa avaliou quais áreas da cooperação econômica da UE com a China poderiam “ser envolvidas em discussões sobre setores sensíveis, infraestrutura crítica ou segurança nacional”.

No estudo, a lista verde incluiu setores industriais no “coração das relações comerciais da UE com a China”. Os setores incluíram peças automotivas, alimentos e bebidas, artigos de luxo, máquinas e bens industriais, segundo a Bertelsmann Stiftung.

Comentários

Todos os campos abaixo são obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.